da Bahia para o Mundo
  • pt-br
  • en

Um desafio inspirador

 

O capital humano é o maior bem de qualquer empresa. E na Veracel, o compromisso com todos os colaboradores, sejam próprios ou terceiros, é um valor expresso, que motiva a melhoria contínua das nossas práticas de gestão de pessoas. Isso inclui uma política de remuneração alinhada ao mercado, o cuidado constante com a saúde e o bem-estar, a promoção de um ambiente de trabalho seguro e o investimento na formação e na capacitação de nossos profissionais. Em 2017, mudanças na gestão orçamentária inspiraram um olhar mais assertivo também sobre a gestão de pessoas. [GRI 103-1, 103-2, 103-3: Emprego]

 

Pensar diferente para fazer melhor

Em 2017, a implantação do Orçamento Base Zero trouxe um novo desafio de gestão: otimizar custos, sem deixar de investir na formação e na capacitação de pessoas. Graças à metodologia, conseguimos reduzir os custos em comparação com o ano passado, sem redução do tempo investido no treinamento dos colaboradores.

As pessoas me perguntam se com o Orçamento Base Zero deixamos de realizar alguma coisa. E eu respondo que não. A metodologia não é um corte desordenado de custos, é o investimento inteligente dos recursos, e é isso que fizemos na área de gestão de pessoas. Qualificar nossos profissionais é prioridade, continua sendo uma das nossas metas principais. Nenhum treinamento deixou de ser oferecido.”

Anderson Ângelo de Souza – Diretor Administrativo e Financeiro

Em 2017, investimos mais de R$ 700 mil em desenvolvimento de pessoas
Foram mais de 50mil horas de treinamento,
uma média de 62 horas por colaborador [GRI 404-1]

 

Uma das estratégias para otimizar os custos foi trazer mais cursos para o ambiente interno da empresa, reduzindo despesas com transporte e aluguéis de espaços externos. Essa mudança trouxe ainda outros ganhos relevantes para o processo, como a otimização do tempo, já que o deslocamento dos participantes passou a ser menor.”

Maria Rita, instrutora, sobre praticidade de ministrar cursos na fábrica

 

Quem faz nossa empresa

Perfil de colaboradores próprios* [GRI 102-8]

 

Mulheres

2015113
2016120
2017119

Homens

2015587
2016635
2017637

*Trabalho por prazo indeterminado

Total de colaboradores*

Próprios756
Terceiros2.578

*Trabalho por prazo indeterminado

Total de colaboradores por gênero*

Homens3.126
Mulheres208

*Todos os 3.334 colaboradores estão na região da Bahia.

 

Vizinhos e colegas de trabalho

Na hora de preencher uma vaga, nossa primeira opção é contar com os colaboradores que já atuam na Veracel, abrindo processos seletivos internos. Quando isso não é possível, a preferência é contratar profissionais na própria região de atuação, valorizando a mão de obra local. Nesses casos, as vagas são divulgadas em nossos canais, como o site e os veículos de comunicação regionais, e também oferecidas via instituições locais, como o Sistema Nacional de Emprego (Sine).

 

 

Plantando sementes, colhendo frutos

Além de investir em sua equipe – e ciente de sua responsabilidade com a comunidade local -, a Veracel mantém práticas contínuas para ampliar as oportunidades de contratação de profissionais na região. Para tanto, buscamos oferecer capacitações e aumentar a qualificação dos candidatos.

 

Curso de Formação de Operadores de Máquinas Florestais

Em 2017, a 24ª turma da iniciativa contou com 23 alunos, selecionados entre 550 candidatos. Ao todo, foram 180 horas de aulas, oferecidas no Módulo de Treinamento Itinerante da empresa instalado no município de Itabela (BA). Ao final de dois meses, 14 alunos que se destacaram foram contratados pela Veracel como operadores trainee. As aulas são ministradas por uma equipe de instrutores formada por colaboradores experientes da Veracel, treinados pelo Senai. Saiba mais sobre o projeto aqui.

 

 

Programa Jovem Aprendiz

Em novembro, 18 alunos do curso de Rotinas Administrativas participaram da cerimônia de encerramento da turma de Jovem Apendiz 2017. Durante 15 meses, eles receberam treinamento teórico e prático não só sobre as práticas administrativas, mas também sobre outros temas importantes na formação de um profissional qualificado para o setor, como sustentabilidade, certificações de processos florestais, meio ambiente, entre outros.

 

O curso foi enriquecedor, pois pude aprender com quem sabe fazer com excelência. Na minha carreira profissional vou sempre poder dizer ‘isso eu aprendi na Veracel’, e isso é muito gratificante.”

Vida do Oliveira Silva, 17 anos

 

 

 

Valorizamos a prata da casa

Uma vez contratados, nossos colaboradores passam a contar com uma série de programas e incentivos criados para aprimorar o desempenho e motivar o desenvolvimento profissional.

 

Gestão por Resultados (GPR)

A Gestão por Resultados (GPR) avalia e recompensa o desempenho dos profissionais de nível de gestão, alinhando as metas criadas individualmente para cada um deles aos objetivos estratégicos da empresa. Os demais colaboradores contam com a Participação nos Resultados (PR), distribuída anualmente quando atingidas as metas acordadas entre a empresa e os profissionais, com acompanhamento dos sindicatos.

 

Formação de Green Belts

Em 2017, a Veracel deu início à formação da primeira turma de Green Belts capacitada internamente. São 24 participantes entre gerentes, coordenadores, assistentes técnicos, engenheiros de processo e de manutenção. Nos meses de novembro e dezembro, foram ministradas 80 horas de aulas teóricas, seguidas pela parte prática do curso, que compreende cerca de cinco meses para elaboração e execução de projetos.

 

Os projetos desenvolvidos trarão ganhos importantes para a empresa. Não só financeiros, mas também sob outros aspectos primordiais, como qualidade e relacionamento com clientes.”

Flávia Azevedo Silva, gerente de Controle Técnico e Logística

DNA da Liderança

O papel das lideranças na condução da equipe e na formação de um ambiente de trabalho apropriado é indiscutível. Por isso, investimos constantemente na formação dos gestores, a fim de aprimorarem não só suas capacidades técnicas, como as habilidades em gestão de pessoas. Em 2017, cerca de 70 gestores participaram do programa de desenvolvimento DNA da Liderança Veracel, explorando aspectos como visão sistêmica, gestão estratégica e econômico-financeira, gestão de desempenho, entre outros.

 

 

Avaliar para evoluir

Em 2017, o processo de Avaliação de Maturidade, também chamado Sistema SAM®, foi ampliada para a Coordenação de TI, a Gerência de Auditoria e Compliance e a Coordenação de Recuperação e Utilidade, totalizando cinco áreas avaliadas desde a implantação do projeto, em 2016. A perspectiva é que o Sistema SAM® seja gradualmente implantado em outros setores ao longo dos próximos anos.

Ao todo, 110 profissionais foram avaliados ao longo do ano relatado. Além de indicar o percentual de performance dos colaboradores, o SAM® permite identificar, com mais precisão, quais são as tarefas que precisam de treinamento, a realização da autoavaliação, além do desenvolvimento de um plano de ação para orientar as ações dos gestores. [GRI 404-3]

 

Todo processo de avaliação demanda algum tempo para atingir o nível de acurácia ideal. Mas apesar de ainda estar em fase inicial, já conseguimos identificar ganhos na área onde o ciclo avaliação foi realizado pela segunda vez. Tanto os feedbacks quanto as ações direcionadas para o desenvolvimento de pessoas foram mais assertivas em 2017, e a tendência é que fiquem cada vez melhores, já que o programa será melhorado continuamente.”

Mariana Figueiredo, especialista em Desenvolvimento Humano e organizacional da Veracel

 

Categoria administrativa

Total de avaliados em 2016: 11 colaboradores (1,3%)

Masculino: 10 Feminino: 1

 

Categoria operacional

Total de avaliados em 2017: 98 colaboradores (12%)

Masculino: 86 Feminino: 12

 

Grupo de gestores*
(Diretores, Consultores, Gerentes, Coordenadores e Especialistas)

Total de avaliados em 2017: 67 colaboradores (8,3%)

Masculino: 53 Feminino: 14

* Avaliados pela ferramenta GPR (Gestão por Resultado), a partir de metas corporativas, individuais e nas competências Veracel (foco e orientação para resultados, liderança, relações interpessoais, trabalho em equipe, desenvolvimento de pessoas e autodesenvolvimento).

VOLTAR AO TOPO

Qual a sua opinião sobre o relatório?(Clique e responda à pesquisa)